fbpx

Amigos do Conexão Jaguar

Reproduzir vídeo

Lee-Anne Yammin & Scott Yammin

Our horn is NOT medicine, África do Sul
Lee-Anne e Scott são dois guias sul-africanos que dedicam suas vidas à proteção de rinocerontes na África.
O conhecido Parque Nacional Kruger é o lar da maioria da população de rinocerontes do planeta. A Our Horn is not Medicie (Nosso chifre não é medicamento, em português) – OHNM – é um projeto da Southern African Wildlife College, localizado dentro da área do Greater Kruger (junção da área do Parque Nacional Kruger com mais de 20 reservas de propriedade privada, em uma área sem cercas)
A OHNM tem como principal objetivo gerar conhecimento sobre a caça ilegal de rinocerontes e levantar fundos para apoiar o trabalho da Southern African Wildlife College. Com isso, ela ajuda a levantar os fundos para as atividades de vigilância aérea e patrulhamento canino, que são realizadas nas áreas de elevada invasão, nas zonas ao sul e central do Great Kruger.

Sarah Marshall

Editora de viagem para “The Press Association”, cobre temas de viagem, conservação e outros relacionados. Atualmente, escreve para o The Telegraph no Reino Unido.

Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo

Mario Haberfeld

Fundador do Onçafari

Mário nasceu em São Paulo, Brasil e desde a infância sempre teve duas paixões, as corridas de carros e a vida selvagem. Depois de uma carreira de quase 20 anos no automobilismo, com passagens pela F1 e Fórmula Indy, Mário agora dedica sua carreira a conservação da vida selvagem. Mário tem viajado a vários lugares para apoiar e aprender com diferentes projetos de conservação ao redor do mundo; isso inclui atividades com gorilas, tigres, ursos polares, pandas, leopardos e leões, para nomear alguns, mas não todos. Mário agora está focado em auxiliar na preservação e geração de valor para a vida selvagem no seu país natal, Brasil.

Lili Rampim

Lilian tem uma vasta experiencia na reintrodução de felinos à natureza. Desde de 2011 ela é membro de um projeto de monitoramento de felinos selvagens na Mata Atlântica. Lilian também trabalha com o projeto Onçafari/Habituação da Onça-Pintada desde 2012, onde é responsável pela compilação e organização de toda a coleta de dados em campo. É particularmente interessada nos aspectos comportamentais da onça-pintada no Pantanal.

Reproduzir vídeo